terça-feira, 29 de abril de 2014

Tem algo de errado com o dia 22 de Novembro

Hora do mimimi



Escrevi em 2012
...Sabe o que eu acho? Jovens... Não estudem, não trabalhem, não se sustentem, não paguem as suas contas, não se importem porque só assim vocês vão ganhar algo nas datas especiais e serão especiais, porque tadinhas de vocês, casaram cedo, não terminaram a faculdade, já tem um filho, não conseguem sustentar-se, só fazem mancadas nesta vida, etc. Vocês precisam de ajuda e de um motivo para ficarem felizes e de bem consigo mesmos e quem estiver a sua volta te proporcionará isto no seu dia.
Eu? Ou nós que demos o sangue e suor em tudo que fizemos. Aahh! Nós somos auto suficientes e não precisamos de mimos, ou atenção, ou uma janta surpresa, ou se sentir especial porque alguém se deu o trabalho de nos fazer sentirmos assim. Nós conseguimos tudo o que almejamos até agora, então por favor, não gastem seus esforços conosco. Somos tão felizes sendo sozinhos que quase nem me lembrei que eu estava completamento mais um ano de vida....


...Tenho pra mim que novembro é um mês de grandes mudanças, doce novembro tenho até medo de ti rapaz!...


...Eu não queria estar aqui, nem ali e nem em lugar nenhum. Eu nem sei aonde eu gostaria de estar agora.


...Ah, em novembro completei vinte anos. Grande coisa ou um grande passo, depende do ponto de vista...




E este é o prospecto de 2013 que por algum motivo óbvio não relatei (talvez pelo ódio que estava cultivando)

Hoje eu estou com 24 anos e como de costume meu aniversário de 24 anos foi mais um para a lista dos deprimentes. Eu tenho uma zica muito grande com isso, obrigado Zeus pela força em reduzir-me a migalhas sempre nesta data. sic
Como vocês já leram aqui eu estou fazendo pós-graduação e isto esta consumindo uma vitalidade lascada (pós reduz 60 de life), tempo, sono, lazer e tudo que é bom de se fazer quase ou nunca estou "fazendo". Exemplo: Teve na cidade vizinha um evento de rock com algumas bandas até razoáveis, eu fui? Não. Tinha aula no dia seguinte e por experiência própria farra e aula no dia seguinte nunca da certo, água e azeite, não se mistura.

Como o grande Odin gosta de me torturar, meu aniversário caiu numa sexta-feira (Novembro/2013) e bem nesta justa sexta eu tinha aula. Minhas aulas são UMA vez por mês, olha o drama. Resumindo eu tinha aula na sexta a noite, sábado o dia inteiro e domingo de manhã, só estes horários reduziram a pó qualquer ideia e se você pensou "porque não saia depois da aula?" porque fio ela termina as 23:00! Se eu morasse em uma cidade mais decente acredito sim que poderia ter saído, bebido com alguns amigos, jantado, nada muito AWAY afinal eu teria o dia seguinte inteiro de estudos mas, eu moro no fim do mundo onde os restaurantes fecham no máximo as 00:00 e a cozinha as 22:30.
Então pensei: Vou sair na quinta, aham, aham!
Mas quinta a noite a partir das 19:00 hrs eu tinha avaliação da matéria dada no mês anterior e foi alí que murchei. Eu estudei horrores e mesmo assim fiquei apavorada com a prova. Estava tão complexa a coisa que eu fiz todas as questão já sabendo que todas estavam erradas, entreguei a prova contando os pontos para ver se atingia o minimo 5,0 para ter direito a recuperação. Depois dessa meu animo foi para -10.




E assim, no dia seguinte (sexta, dia do meu aniversário mesmo) eu trabalhei o dia inteiro normalmente, cheguei em casa as 18:20, fui para aula as 19:00, sai as 23:00 e fui em um encontro de rock que acontece uma (ou duas) vezes por ano e fim. Bela comemoração.
Ah, as 01:30 já estava em casa na cama. Além de não ter comemorado meu aniversário não pude aproveitar decentemente o evento pois (olha a frase de novo) no dia seguinte tinha aula o dia inteiro.

Só para fechar com chave de ouro: Adivinhem que dia da semana cairá meu aniversário neste ano de 2014 e o que eu terei de compromisso?
Dou uma banana para quem acertar.
E 2012 eu estava bem revoltadinha. Admito.
Postar um comentário