quinta-feira, 27 de outubro de 2016

#soudealgodão



Olá gente! Hoje tenho algo super legal pra contar para vocês. Talvez ainda não saibam mas eu trabalho em uma associação de produtores de algodão, mais especificamente a que representa os produtores do Estado da Bahia. Este Estado forte na agricultura e principalmente em sua produtividade. Temos muita competitividade em diversas culturas porém, o destaque aqui é o nosso Algodão. Nós nos chamamos Abapa <3
Todos os Estados produtores possuem uma entidade no terceiro setor que os represente e a nível nacional (união de todas) temos a Abrapa.

Ontem foi um grande dia pois a Abrapa junto com parceiros e sua estaduais lançaram a campanha ma-ra-vi-lho-sa #SOUDEALGODAO na São Paulo Feshion Week! Isto não é incrível?!


Você sabia que menos de 50% da produção de roupas no Brasil usa algodão?
A ideia que tem como objetivo incentivar na indústria da moda e, consequentemente, pelos consumidores finais o uso da matéria-prima algodão.

E para entender um pouco mais sobre isso, eu fui pesquisar. É claro.

As fibras naturais (algodão, linho, alguns tipos de seda e lã) são agradáveis ao toque, esquentam menos, se bem cuidadas duram muito e evitam cheiros desagradáveis. Porém amassam demais, são difíceis de passar, não fixam bem as cores e podem desbotar (nada deixar de molho na água nem esturricar no sol) e são mais caros.
Os sintéticos (viscose, raion, nylon, acetato, poliester, acrílico, poliuretano, elastano, poliamida) secam com facilidade, amassam pouco, mais leves, mantem a cor por mais tempo, algumas fibras esticam e são mais baratos. Em parte, eles esquentam muito, as cores claras tendem a amarelar, podem provocar cheiros desagradáveis, são mais frágeis a movimentos bruscos e calor (nada de ferro quente!), com o atrito, podem aparecer bolinhas. A viscose é um sintético natural, obtida através da celulose, também é conhecida como seda javanesa. Fonte
Para nós que vivemos em um país tropical fora que somos um dos quatro maiores produtores de algodão, faz todo sentido incentivarmos a industria e os consumidores e valorizarem o algodão. Leve, não retém o calor... Confortável. É tudo de bom gente.



A campanha é tão linda que não para apenas nesta ação no SPFW. Foi lançado site, o Sou de AlgodãoInstagram (sigam lá e eu também genteeeemm) e isto é apenas o começo. Serão firmadas parcerias com Universidades, Estilistas, será criada uma coleção #SouDeAlgodao. E tudo isto seguirá as tendências da moda, terão Workshop e material informativo.

Paulo Borges foi diretor criativo da festa de lançamento do projeto, do qual os padrinhos são os estilistas Alexandre Herchcovitch e Martha Medeiros. Ambos usam algodão em suas coleções.

Babadeira a novidade né nón pessoal?

Eu, como colaboradora da Abapa estou amando tudo isso com os dedinhos cruzados, e sabem a razão? Foram criadas camisas temáticas para o lançamento da campanha no SPFW e eu estou aqui contanto com a sorte de uma vir parar em minhas mãos <3

Muito amor. 
Então fiquem ligados no meu instagram e aqui no blog que assim que sair novidade eu venho correndo contar para vocês.
Postar um comentário