terça-feira, 25 de maio de 2010

Reticências


É algo, assim, involuntário.

Poderia escrever milhões de palavras para dizer que te quero bem, mas pareceria muito pouco, pequenino demais para a grandeza disso tudo.
Sentir sua falta faz com que meu coração se sinta insignificante e vazio.
Desculpe-me se estou sendo um tanto sonhadora, mas prefiro só aprender a voar junto com a pessoa que eu realmente quero ao meu lado do que dar pequenos vôos e depois cair no chão machucada.
Não troco meus sorrisos bobos de amor, essa alegria mansa, a saudade dolorosa e ao mesmo tempo gostosa de se sentir por algo que não existe...
Por uma Ilusão.
Postar um comentário